Zack Snyder volta aos cinemas com Zumbis


Depois do fracasso de Liga da Justiça e do drama familiar envolvendo o suicídio da filha, Zack Snyder está de volta às câmeras. O cineasta irá dirigir Army of the Darkness, um novo projeto para a Netflix (o que, contrariando o título do artigo, não o leva exatamente para o cinema, mas você entendeu!).

A premissa do filme deve empolgar os fãs do gênero. Um grupo de mercenários decide assaltar um Cassino em Las Vegas durante o apocalipse zumbi. Em resumo: um monte de anti-heróis, muitos zumbis e um plano de roubo bacanudo, algo como “11 Zumbis e um Segredo”.

Mas brincadeiras à parte, é bom lembrar que antes de mergulhar no mundo dos quadrinhos com 300 e os filmes da DC, Snyder surgiu naquele que, para muita gente (inclusive eu!) é seu melhor e mais interessante trabalho, Madrugado dos Mortos, remake do clássico de George Romero.

“Não há algemas me segurando dessa vez. Ninguém nunca me viu completamente solto, como agora” afirmou Snyder e completou com algumas expressões puramente americanas que são difíceis de traduzir, como “kick-ass” e “balls-to-the-wall zombie freakshow”, mas que querem dizer que ele deve encher a tela de zumbis e muito gore.

A curiosidade de Army of the Darkness é que esse era um projeto da Warner (estúdio com o qual Snyder vem trabalhando nos últimos anos), mas que foi vendido para a Netflix. Uma pratica que, definitivamente iremos escutar falar muito durante os próximos anos, afinal, a Netflix é sim conhecida pela liberdade criativa de seus projetos e a ausência do peso de ter que lançar um filme que estoure nas bilheterias, algo que, para muitos estúdios maiores e mais “clássicos” acaba sendo um problema, portanto, ficando mais fácil vender o projeto e “fazer um dinheiro”, do que bancar a produção e acabar não tendo o resultado que acalme seus engravatados.

Army of the Darkness tem um orçamento de U$ 90 milhões, o que coloca Snyder mais uma vez em um filme em que dinheiro “volta a ser um problema”, o que é bom, já que a gente sabe o quanto excêntrico e descontrolado o diretor pode se tornar com pilhas e mais pilhas de dólares para gastar. O filme ainda não tem previsão de estreia.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.