[REC]

REC Filme

 

É lógico que qualquer um que ver essa produção espanhola vai falar em Bruxa de Blair e alguém ao fundo vai gritar Cannibal Hollocaust, lembrando dele como o verdadeiro pai do filme de terror que finge ser um documentário, mas não importa, a única verdade é que [REC] é, provavelmente, o primeiro que resolve usar esse subterfúgio para fazer um filme de terror de verdade , com zumbis, sustos, satanismo e heroínas gritando.

No filme, uma repórter e seu câmera acompanham uma noite de uma brigada de bombeiros de Barcelona, até chegarem em um prédio com uma ocorrência para lá de esquisita, mas que acabam presos nele graças uma misteriosa infecção que transforma seus moradores em zumbis (ou coisa parecida).

Isso, graças a um estupendo trabalho narrativo, com uma direção que consegue apresentar uma história em todos seus fatores apenas pela lente do câmera, sem jogar fora nenhum clichê que dá certo no gênero, muito graças a um ótimo trabalho no começo do filme, que te colocando dentro da ação de um jeito verossímil e te faz  acreditar na reportagem, que te prepara perfeitamente para, no resto do tempo, criar um clima de aflição sensacional, digno dos melhores filmes de terror  (e que já entrou de cabeça na minha lista de melhores filmes de terror dos últimos tempos).

[Rec] não foi lançado no Brasil, por razões misteriosas, e provavelmente só aparecerá por aqui quando a refilmagem yankee, “Quarentine”, que estreou esse semana por lá, chegar por aqui, senão a internet está ai para isso, procurar ótimos filmes, como esse, que as distribuidoras do Brasil resolvem ignorar e lançar milhões de besteiras que lotam as prateleiras das locadoras.

PS: o filme foi lançado e eu paguei, feliz, com a lingua.

idem (Esp, 2007) escrito por Jaume Balagueró, Paco Plaza e Luiz Berdejo, dirigido Jaume Balagueró e Paco Plaza, com Manuela Velasco e Ferran Terraza


1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.