Morre Norah Ephron, diretora de “Sintonia de Amor”

Norah (à direita) com Meryl Streep para a Vanity Fair

O mundo do cinema acaba de perder mais um de seus tão importantes nomes, Norah Ephron, escritora e diretora de comédias românticas como Sintonia de Amor, que faleceu, aos 71 anos, na noite de quarta feira, 26 de junho, em Nova York.

Ephron, que lutava contra a Leucemia, ganhou destaque em 1989 (e uma indicação aos Prêmios da Academia), por ter escrito o roteiro da comédia romântica Harry e Sally – Feitos Um Para o Outro , dirigida por Rob Reiner e estrelada por Billy Cristal e Meg Ryan, ela, que ainda faria sucesso com a diretora em duas outras oportunidades ao protagonizar, com Tom Hanks, as duas comédias Sintonia de Amor (1993) e Mensagem para Você (1999).

Nos últimos anos de carreira, Ephron dirigiu a adaptação da série de TV A Feiticeira, em 2005, e, em 2009, o sucesso Julie e Julia, que rendeu uma indicação ao Oscar para Meryl Streep.

Quer receber as melhores notícias do cinema?

Inscreva-se na newsletter do CinemAqui e receba um resumo semanal do que está acontecendo no mundo dos filmes.