Vizinhos conta a história de Mac (Seth Rogen) e Kelly (Rose Byrne), um jovem casal que tem de lidar com as novidades da vida como pais recentes, vivendo em uma casa no subúrbio. Mac trabalha em um escritório e Kelly fica em casa, cuidando da pequena VizinhosStella, numa rotina que se repete, até que uma fraternidade se muda para a casa ao lado. As festas regadas a álcool e drogas da Delta Psi, liderada por Teddy (Zac Efron) e Pete (Dave Franco), causam a Mac e Kelly um misto de nostalgia dos tempos de faculdade e incômodo pelo barulho que pode acordar Stella a qualquer momento – e acabar com seu descanso.

O filme é uma comédia pastelão de humor tipicamente norte-americano, aos moldes de American Pie, com suas várias piadas sexuais, atuações exageradas e muita improvisação. Alguns atores, como Zac Efron e Rose Byrne, soam convincentes em seus papeis. Rose expressa bem a estranheza de sua personagem por não querer se sentir “careta”, mas preferir ficar em casa a sair para festas. Efron encarna bem o garanhão que no fundo tem sentimentos – ainda que seja um personagem muito, muito batido. Vizinhos sofre, entretanto, do mal de outras tantas comédias: não trabalha a fundo nenhum personagem, o que resulta no desenvolvimento superficial de todos eles. Dave Franco e Seth Rogen mostram performances exageradas e inverossímeis mesmo para o contexto do filme – o que já é uma constante para Rogen. Franco, em especial, não parece nada confortável no papel de Pete.

A história flui com dificuldade e não mantém um ritmo que prenda a atenção. Em vários momentos, o espectador fica com a impressão de que o tempo não passa, principalmente pelas muitas cenas que focam um mesmo elemento ou situação por minutos demais. Por diversas vezes, a sensação é que a câmera foi simplesmente ligada e apontada para um grupo de amigos fazendo zoeira, o que nem sempre funciona.

Vizinhos

Apesar disso, há bons momentos de comédia e referências verdadeiramente engraçadas, como a cena envolvendo os airbags e a “luta final” entre Mac e Teddy, que trazem elementos da comédia de absurdo e casam bem com a inverossimilhança geral do filme. Quem gosta de Apertem os cintos, o piloto sumiu e Family Guy vai rir bastante.

O destaque fica por conta das cenas de festas na fraternidade, de montagem rápida e mistura de diferentes suportes de filmagem, indo da câmera tradicional ao celular. O resultado é um visual muito bonito e psicodélico, que se completa ao som de hits pop atuais, de batida marcada. A utilização da luz negra sobre pintura de tinta fluorescente reforça o efeito.

Enfim, Vizinhos tem alguns bons e divertidos momentos. Infelizmente, eles não bastam para segurar um filme de mais de uma hora e meia.


Neighbors(EUA, 2014), escrito por Andrew Jay Cohen e Brendan O’Brien, dirigido por Nicholas Stoller, com Seth Rogen, Zac Efron, Rose Byrne, Dave Franco, Ike Barinholtz e Carla Gallo.


Trailer do filme Vizinhos

Outros artigos interessantes:

Sobre o autor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.