Não me Ame | Indecifrável

*o filme faz parte da cobertura da 43° Mostra Internacional de Cinema de São Paulo


Não me Ame é cinema experimental, e eu admiro isso. Porém, seus símbolos vão se multiplicando a cada diálogo em um ritmo indecifrável, e isso não tem perdão.

Brincando em espanhol com uma história de guerra no estilo invasão do Iraque misturado com o folclore bíblico, a ideia concebida por Sergi Belbel e Lluís Miñarro (dirigido por este último) nunca foi uma coisa boa, nem no começo, quando filmes como Cães de Aluguel e diretores como Kubrick são citados. Referências do diretor? Espero que não, ou isso quer dizer que nas aulas de cinema da atualidade os rolos de filmes são mais cheiradas do que vistos.

Mas falando agora sobre a história desse filme me veio à memória alguns de seus momentos. Quase todos sensuais. Sua protagonista é a filha do general, Salomé, que é bela e se encanta com o prisioneiro de guerra que seu pai mantém escondido em uma caverna.

Ele é chamado de profeta, preso em cavernas subterrâneas e não falando coisa com coisa. Há um acampamento militar ao lado, onde se bebe vinho e se fala sobre filosofia. Em um futuro muito presente, os poderosos do mundo acertam como em um contrato qual será a próxima guerra entre eles. Qualquer semelhança com a realidade foi expurgada do filme, que não faz o menor sentido.

Mas as cenas são bonitas. A fotografia também. Sei de pessoas que só por isso já falariam que este é um filme de respeito. Os cenário, teatrais, cumprem seu papel onírico, cercando personagens movidos por impulso. Podemos estar acompanhando fragmentos ligados no espaço-tempo. Vai saber… melhor não.

“Love Me Not” (no original) é sobre a perdição do cinema americano. Ele pega desde as séries, apresentando os atores como se fizessem parte de uma, para saltos temáticos que existem apenas como provocação vazia ao espectador. É uma aposta, como todo filme experimental. Porém, ter uma direção de arte, figurino, fotografia e edição impecáveis em um filme desses… isso não tem perdão.


“Love Me Not” (Esp/Mex, 2019), escrito por Sergi Belbel e Lluís Miñarro, dirigido por Lluís Miñarro, com Luis Alberti, Fausto Alzati e Hugo Catalán.



Trailer do Filme – Não me Ame

Outros artigos interessantes:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *